0
Buscar
  • Mário Sanchez

Qual é mais perigoso: Água ou fogo? Não brinque com fogo! Menos ainda com água!

Qual foi mais poderoso - A nossa Bomba atômica ou a machadinha da pedra lascada?



Fogo nas florestas está na ordem do dia – O Ártico siberiano ardeu mais forte que Amazônia. Na Bolívia quase matou Evo Morales. Na Califórnia acabou com casas e cidades, anos seguidos. As pessoas fogem, o gás carbônico alimenta o dobro de brotações e tempos depois a mata estará em pé e pode ter novo incêndio...


Mas, e as águas?

Os furacões na América organizada causam destruições e mortes todos os anos.

Represas se rompem em todos os países. Inundações arrasam cidades como Nova Orleans e grandes áreas como Bangladesh. Elas deixam atrás os desaparecidos, feridas que o tempo não cura...


E o terror nuclear?

Fukushima... Chernobyl... Hiroshima/Nagasaki... E mais alguns lugares. Correram e assustaram. E depois tudo se refez.

Não se espantem com a verdade! Morrem muitos mais em inundações e Tsunamis, redemoinhos em rios, praias de ondas revoltas, temporais em naufrágios, ciclones e furacões... do que podem morrer com bombas e acidentes radiativos.


Querem ver comparar?

Isso é o que aconteceria se você bombardeasse um furacão com uma arma nuclear


Leiam e saibam! Atirar em Dorian 2.000 bombas de 1945 causariam imensa poluição radiativa e “Dorian” seguiria sem em nada se abalar.


Mas e a machadinha?

Uma “cunha” lascada foi amarrada com cordão de couro cru no último palmo de um cabo de lenha das fogueiras da glaciação. E pronto! O braço armado com essa ferramenta alcançou mais longe que o braço podia! Rompeu castanhas e cocos! Cortou paus para cabanas e cercas! Derrubou toras e fez barcos e jangadas! Fugiu de inimigos, abateu feras e cobras, caçou carnes e fez as covas pra plantar tudo que quis! Arrancou raízes e tubérculos! Lascou outras pedras! Desenhou mensagens na parede das grutas... E a civilização nunca mais parou! A Machadinha se enfeitou, festejou, e acompanhou.

Com ela o homem já não temia incêndios nem inundações! Um dia serviu pra fazer a roda! Pobre e tardia...

Veio a pólvora! Os navios tiveram bússola! Veio o navio a vapor! Motores de explosão! A eletricidade! E a machadinha incólume a seu lado não se perdeu! Veio a Bomba! A machadinha de muitas variantes sorriu e ajudou a refazer tudo!

Será que as máquinas de força G ultrapassam a machadinha? Um dia eu contarei.

Por hoje leiam neste site a informação: Temos a descoberta que Einstein previu. “Quem conseguir converter a Força da Gravidade de Linear em Angular vai obter força sem limites, sem consumo de nada, para usar em nosso campo material”.

As máquinas serão concedidas por mim sem grandes royalties para que o mundo todo tire proveito.

Eu preciso continuar mais estudos que completem a revolução que a machadinha começou.

Com um olhar enigmático de indiferença a machadinha me diz que vai ajudar.

Um dia contarei.

Na sequência convidarei pra você ser o descobridor.

No rio do existir, que é nosso implacável holograma, você vai ser o detetive. A Série do Grande Detetive se lançará em Naves para Marte.

Vamos propor saúde com mais longevidade.

Imposto zero na economia.

Energias superlimpas com baixo custo.

Ler na dinâmica para conhecer sem limites. Até os segredos dos Mestres e da Clarividência.

E a machadinha ajudará.

Nesse dia você me contará o que descobriu.

Lá no fim do túnel da grande noite, a machadinha te espera!

Decifre-me! Ou eu te devoro!

Você é o Detetive! Quem lê sabe! E quem sabe ler decifra! Quem decifra não será devorado!


#água #agua #fogo #bomba #bombaatômica #bombaatomica #saúde #saude #amazônia #amazonia #sibéria #furacão #furacao #tsunami #catástrofe #meioambiente #fukushima #nagasaki #chernobyl #hiroshima #forçaG #forçadagravidade #energialimpa

13 visualizações

Para mais informações:

 

  • Facebook
  • Instagram

Se cadastre para ver as matérias do nosso blog e os lançamentos dos livros!

 

Saiba mais informações sobre a política da nossa loja online:

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon